volvercuriosidades e lazer

Doze locais de visita obrigatória para 2019

Partilhar no:

facebooktwittergooglepluslinkedinmail

Começou um novo ano e com ele, com certeza, a ideia de viajar pelo mundo fora, conhecer novos sítios e realidades. Estes são os locais a visitar, distribuídos por diferentes continentes, em 2019. Uns mais exóticos, outros mais urbanos. Aqui fica uma dúzia de recomendações.

Fantástica Escócia

Uma visita ao castelo de Edimburgo é incontornável, o ex-líbris da cidade. Mas há muito mais para ver. Prédios de pedra, flores, verdes parques e, claro, locais ligados a J.K. Rowling: o The Elephant House, onde Harry Potter ganhou forma, ou a George Heriot’s School, que serviu de inspiração para Hogwarts. A Royal Mile tem de ser calcorreada, assim como a Princes Street, e há que visitar a catedral de Santo Egídio. Se és um fã incondicional de uísque, o The Scotch Whisky Experience é uma visita obrigatória. A norte, nas Highlands, Inverness e o mítico Loch Ness requerem uma paragem obrigatória. Há poucos sítios no mundo tão misteriosos e intrigantes como a Escócia. Não é por acaso que o animal nacional é o unicórnio…

Amesterdão e um passo ao lado em direção a Bruges

Conhecer duas cidades belas como Amesterdão e Bruges parece um ótimo plano para uma viagem “rápida”. Na Holanda, deve conhecer-se o Rijksmuseum, o Museu Van Gogh, bem como a história de Anne Frank. Circula pela cidade de bicicleta e navega nos seus canais. Há muito para apreciar. Na Bélgica, ali ao lado, há que navegar igualmente nas águas de Bruges, conhecer as suas pontes e arquitetura composta por edifícios medievais e de estilo gótico.

País Basco: das melhores refeições ao design marcante

Não é Barcelona, nem Madrid. Mas San Sebastián, uma cidade espanhola belíssima. A noite do Casco Viejo é deslumbrante. A gastronomia, as praias, a baía da Concha…, são um luxo. Convém não esquecer que é aqui que moram cinco dos melhores trinta restaurantes do mundo! Ir ao País Basco e não reservar um dia para visitar Bilbau (o Guggenheim, a Plaza Nueva…) não faz sentido.

Havana, ao ritmo latino (plus República Dominicana)

Fora da Europa, Havana representa o charme. Uma visita ao Capitólio, à baía, à catedral de São Cristóvão e à sua praça, um trago de rum e um passeio obrigatório pelo Malecón para ver o mar e os carros do século passado são alguns dos pontos a reter na memória fotográfica. Para os fãs das Caraíbas, a República Dominicana é outro destino de eleição. Tem praias, Santo Domingo, Punta Cana, parques naturais e cenários onde foram gravadas cenas de filmes como Piratas das Caraíbas, Parque Jurássico e outros sucessos de bilheteira do cinema.

Uma viagem pelo paraíso

No verão ou noutra estação do ano, porque por aqui as temperaturas são sempre convidativas, vale a pena uma visita a Cabo Verde. A ilha do Sal é a mais visitada. A de Santiago, a maior do arquipélago. Mas é na Boavista que se encontram praias praticamente desertas e dunas a perder de vista. Muito há para fazer e ver. No plano de viagem não pode faltar o passeio de jipe ou de quads, nem as atividades aquáticas.

Menos explorada, mas igualmente apaixonante, São Tomé e Príncipe tem praias decoradas com palmeiras tombadas sobre a areia como se vê nos postais, paisagens deslumbrantes e boa gastronomia. Está num estado mais selvagem, mas isso não é necessariamente mau…Pelo contrário.

Chile, meu amor

Santiago do Chile é uma cidade surpreendente. Aos pés da cordilheira dos Andes, a capital chilena tem monumentos magníficos. A catedral Metropolitana, na Plaza de Armas, é um bom exemplo dessa magnificência. Assim como o Palácio de La Moneda, sede da presidência chilena. Caminhar pelo Paseo Ahumada, pelo Mercado Central ou visitar uma residência de Pablo Neruda também são experiências inesquecíveis. Já que estás no Chile, aproveita a beleza natural do país desde San Pedro de Atacama, para visitar o deserto mais alto do mundo. Podes visitar também os lagos do Altiplano e o Vale da Lua. Nos Andes centrais existem estâncias de esqui de renome internacional, como o Valle Nevado e o Portillo. É imperdoável não dar um salto à Patagónia chilena, que inclui o Parque Nacional Laguna San Rafael e o Parque Nacional Torres del Paine.

O melhor de dois mundos

Experiências deslumbrantes, paisagens naturais magníficas e 500 anos de cultura e história que contrastam na perfeição com o ambiente cosmopolita e frenético da capital, Seul, e da segunda cidade mais populosa, Busan. Falamos da Coreia do Sul, um país muitas vezes esquecido entre as potências turísticas asiáticas, mas que tem o melhor de dois mundos para oferecer. Fica um último conselho: não deixar passar ao lado a bela gastronomia coreana, com uma mistura imperdível de sabores, aromas e texturas.

E tu, és WiZinker?

E tu, és WiZinker?

No GPS Financeiro partilhamos as coordenadas para as melhores decisões financeiras, para tirares o melhor partido da utilização do teu cartão de crédito e desfrutares o mais possível.

Segue-nos em

Facebook YouTube