volvercuriosidades e lazer

Viajar dentro de casa? Sim!

Partilhar no:

facebooktwittergooglepluslinkedinmail

Férias. Cultura. Viagens. São palavras que nos fazem mais felizes, que nos dão a excitação de antecipar cada pormenor, de planear cada detalhe do destino. Este ano, o conceito de “ir para fora cá dentro” deixa de ser uma frase nacionalista que incita a conhecer melhor o nosso país, e passa a ter um sentido mais inspiracional: o de viajar sem sair de casa. Aproveitar o tempo livre para conhecer mais do que há no mundo pode ser uma forma de planear as viagens que ainda estão por vir e, também, uma forma de se evadir das paredes de casa e de levar a mente para outros lugares. Deixamos três viagens para fazerem em família.

Paris

Paris é uma escolha muito recorrente para férias em família, quer pela afinidade, uma vez que a maioria dos portugueses tem algum familiar ou amigo que mora ou já morou na zona de Paris, quer pelas múltiplas facetas que a cidade oferece. Paris é simultaneamente a cidade da luz e do romance, da cultura, da diversão sem limites. É possível transferir toda esta mítica parisiense para as quatro paredes de casa!

Para aguçar (ainda mais) uma visita futura à Disneyland, as sugestões começam com dois filmes que os mais novos vão adorar e os mais velhos, secretamente, também: Ratatouille, um filme de animação em que um pequeno rato decide ser um grande chef francês. Mais clássico, também para crianças e também com Paris como pano de fundo, podem ver O Corcunda de Notre Dame!

Na ementa, não podem faltar os croissants franceses – procurem receitas caseiras, claro! – que podem rechear com chocolate. Uma receita super fácil para experimentarem em conjunto e para saborearem num lanche caseiro em família! Se quiserem optar por uma versão romântica, uma tábua de queijos com um bom vinho francês, a banda sonora do Moulin Rouge e umas velas são suficientes para se transportarem da sala de jantar para um bistrô!

Voltando à cultura, uma visita a Paris não pode acabar sem um vislumbre da Mona Lisa, ainda que virtualmente! O Museu do Louvre permite também esta opção, com o bónus de não ter filas infinitas para lá chegar. Para acabarem o dia em beleza, façam um jogo de imitações de filmes da Disney, inspirados pelo plano inicial. Por equipas ou a solo, a mímica vai entreter a família um bom tempo. Et voilá, Paris sem sair do conforto do lar!

Itália                                                                                              

Visitar as principais cidades italianas, como Roma ou Milão, faz parte dos objetivos de muitos, mas também planos de roadtrips por Sicília ou Toscana. Enquanto não se puder aventurar pela beleza das paisagens e pelos arrebatadores monumentos italianos pessoalmente, levem Itália a casa! Comecem com uma visita virtual ao Museu do Vaticano. Depois, é tempo de pôr mãos na massa! Juntem-se na cozinha e preparem pizzas caseiras, com os ingredientes preferidos de cada um. Aproveitem para algumas fotografias bem enfarinhados! Se quiserem arriscar numa sobremesa, a escolha divide-se entre o tiramisu ou bolas de gelado!

De barriga cheia e satisfeitos, é hora de cultura no sofá: filmes como o clássico Cinema Paraíso ou o mais recente Para Roma, com amor levam-nos a duas épocas bem diferentes, mas sempre com Itália como pano de fundo. Depois, podem online aprender algumas palavras ou frases italianas, o que pode fomentar o interesse pela língua.

E agora… Tempo de brincar! Sim, os adultos também brincam, para que todos se divirtam! O jogo do galo ou o famoso jogo da macaca, dizem, tem origem na Roma antiga, e ainda hoje todos os sabem jogar! Para acabarem a viagem em grande, ouçam a música de Francesco Gabbani,  Occidentali’s Karma, que se popularizou na Eurovisão de 2017. O desafio? Aprender o refrão, a coreografia, dançar e cantar a plenos pulmões!

Lisboa

A nossa capital é rica em museus e atividades para todos, com a cultura portuguesa a pulsar a cada rua. São muitos os que aproveitam as férias ou os fins de semana para conhecer Lisboa e, inevitavelmente, ficam com o sentimento de que precisam de voltar porque há mais para conhecer.

Nesta viagem em casa, comecem o dia com fado a tocar nas colunas e expliquem aos mais novos a sua história e tradição. Depois, passem virtualmente pelo Museu Nacional da História Natural e da Ciência, e visitem também o Museu dos Coches (da mesma forma).

Comida típica no próprio país pode ser difícil, mas em Lisboa, a sobremesa só pode ser um pastel de Belém! Neste caso, façam pastéis de nata caseiros, que depois podem polvilhar com canela ou açúcar em pó.

Durante a tarde, aproveitem para queimar energia com um karaoke – em português! – ou um jogo em que, com os phones nos ouvidos e a trautear, o resto da família tem de adivinhar a música. Depois, façam o tão conhecido jogo do stop e ponham categorias como “cidades portuguesas” ou “celebridades portuguesas”. À noite, aproveitem para ir ao teatro! O Teatro D. Maria II estreia, durante todo o mês de abril, peças ao fim de semana.

Bónus: levar a mente a outros lugares

Ver filmes, séries ou ler livros são formas de viajar para outros sítios sem saírem do conforto de casa. Os jogos de cultura geral ou de entretenimento são também uma maneira de se evadirem de forma mais fácil e de conhecerem outros locais e outras culturas, o que pode até espoletar o desejo de uma viagem a um sítio no qual nunca tinham pensado!

O mais importante é arranjar estratégias, em família, para tirar o melhor partido do tempo que passam em casa. Corpo e mente precisam de continuar a exercitar-se e, num espaço fechado, deixem entrar o conhecimento. Afinal, ele não ocupa lugar!

Textos, Edição e Revisão: Cofina Media, S.A | Imagens: Cofina Media, GettyImages e iStock

E tu, és WiZinker?

E tu, és WiZinker?

No GPS Financeiro partilhamos as coordenadas para as melhores decisões financeiras, para tirares o melhor partido da utilização do teu cartão de crédito e desfrutares o mais possível.

Segue-nos em

Facebook YouTube